Refogado de vegetais e painço

Aqui em Nova York, nessa época do ano, as abobrinhas reinam nas feiras e nas prateleiras dos supermercados com seus diferentes formatos, tamanhos, cores e sabores. É lindo de ver!!!  Verde, amarela, listrada, redonda, comprida - as abobrinhas dão em abundância no verão. Por isso, já tem uma semana que como diferentes tipos de abobrinhas, dos jeitos mais variados.  Crua, refogada, assada, em forma de carpaccio, barquinho, macarrão... Não tem jeito mais gostoso de saborear o verão!

Ontem fiz um refogado de abobrinha com repolho e servi com painço e homus, postei a foto do prato no instagram perguntando qual daquelas receitas o pessoal gostaria de ter. No final a maioria escolheu todas!!! Então aqui estão as receitas do refogado e do painço. Mas a do homus, vou ter que deixá-los com água na boca até a segunda temporada do programa que vai ao ar em setembro!!!

A abobrinha é rica em água (95% de sua composição), o que a torna uma ótima opção para hidratar o corpo no verão. Ela não é um vegetal riquíssimo em nutrientes, mas dá um belo colorido e frescor para o prato, além de ser um alimento de fácil digestão, com propriedades anti-cancer.

Refogado:
1/2 abobrinha verde, cortada em quartos
1/2 abobrinha amarela, cortada em quartos (se não tiver amarela, pode usar a verde)
1/4 repolho-roxo, fatiado em tiras finas
1/2 cenoura ralada
1/2 abacate hass (avocado),  cortado em cubos médios
1/2 cebola, picada
3 colheres de azeite de oliva
Sal marinho
Pimenta do reino moída na hora
Suco de 1 limão

Modo de preparo:

  1. Esquente o azeite numa panela média e doure a cebola.
  2. Adicione os vegetais, salpique com sal e pimenta e refogue em fogo médio por 6-8 minutos com a panela tampada (ou até os vegetais ficarem aldentes).
  3. Acrescente o abacate e limão e cozinhe por mais 2 minutos, misturando bem.
  4. Sirva quente ou frio!!!

Painço é o meu grão favorito...e dos passarinhos também! Na verdade, o painço é uma semente (assim como a quinoa), mas no ramo da culinária, classificamos ambos como grãos. De fácil digestão e com um índice glicêmico menor do que dos outros grãos, o painço é um ótimo carboídrato para ser consumido sem elevar muito o açúcar no sangue.  Ele tem uma textura bem fofinha, seca e leve. Então como eu gosto de coisas secas e crocantes, cozinho o meu painço com a proporção de 1 copo de painço para 2 de água. Mas caso prefira o painço mais molhadinho e cremoso, com consistência de purê ou polenta, use a proporção 1:3. Sinceramente, vale à pena testar das duas formas!!! E quando for comprar o painço, procure sem casca. A casca é muito fibrosa e não dá para comer.

Nessa receita, também usei o cardamomo, para dar um aroma especial ao prato. Adoro esse tempero muito usado na culinária ayurveda, que é um tonificante do sistema digestivo. E é sempre bom lembrar que digestão boa é sinônimo de uma boa saúde!

Painço com Salsinha

2 copos de painço
4 copos de água
5 cardamomos em grãos ou 1 colher de café de cardamomo em pó
1 colher de chá de gengibre picado
3 colheres de sopa de azeite ou ghee 
1 colher de chá de sal marinho
1/2 maço de salsinha picada

  1. Lave bem o painço e escorra toda a água.
  2. Refogue o gengibre e cardamomo no azeite ou ghee. Acrescente o painço, água e sal. Cozinhe por 30 minutos em fogo baixo com a panela tampada. Desligue o fogo e misture a salsinha.

Bom apetite!!!